Bom dia, boa tarde ou boa noite! Como estão meus queridos amigos do #QTAE?

Espero que muito bem como sempre. Hoje escrevo sobre um país da América Central: nossa querida Guatemala.

Farei um guia simples para quem deseja visitar o país algum dia e assim curtir o caminho Maya, cheio de povos coloridos, vulcões e pirâmides ancestrais que são os encantos de Guatemala, então vamos lá:

Guatemala

A cultura Maya pode ser observada em cada esquina do país centro-americano. Muitos guatemaltecos conservam ainda costumes dos seus antepassados, por exemplo, usando roupas típicas. Para conseguir uma viagem muito boa e desfrutar das suas praias lhes recomendo que fiquem uns 15 dias por lá. Abaixo, indico alguns locais para vocês curtirem melhor este país.

LA URBE

Cidade de Guatemala, onde o clima varia entre os 13 graus e 28 graus, divide-se em zonas numeradas que começam a ser contadas desde o centro da metrópole e segue em forma espiral (característica maya segundo o engenheiro guatemalteco Raúl Aguilar), fazendo um total de vinte quatro. Assim as zonas 1, 2 e 3 correspondem ao centro histórico, onde se encontra a Catedral Metropolitana ou igreja da “Recolección”.

ANTIGUA

No ano de 1541, Antigua foi a capital do país, até que no ano de 1776 vários terremotos obrigaram a mudar à Cidade da Guatemala. É possível ir até a antiga cidade em bus (uma hora de viagem), taxi ou transporte privado (39 minutos de viagem). Ali é possível visitar “El Arco de Santa Catalina”, a igreja “La Merced”, o templo de “San Francisco el grande” e o convento de “Santo Domingo”. Por outro lado, o agro turismo é a atividade mais comum. Os sítios locais como a fazenda “Valhalla” oferecem percorridos pelas suas instalações. Assim você poderá conhecer suas colheitas de macadamia, árvore da qual tiramos a noz.

OS VULCÕES

“Antigua” tem ao redor três vulcões: “El Agua”, “El Fuego” y “El Acatenango” (com 3763 metros). Subir a um destes pode demorar umas oito horas aproximadamente. Se alguém não foi lá ainda, recomenda-se primeiro subir ao Pacaya de 2552 metros de altura. Localizado a uma hora e quince minutos de “Antigua”, é o único que permite aos turistas assar mashmellows no vulcão.

EL LAGO

De “Antigua” podem pegar um ônibus até “Solalá”. Em duas horas pode-se chegar para assistir a beleza e grandeza do lago “Atitlán” e o vulcão do mesmo nome. Logo, podem ir aos povoados que estão ao redor do lago e finalmente ao mercado “Chichicastenango” onde encontramos um cemitério bem colorido e também onde poderemos comprar belos tecidos e cerâmicas.

CIUDAD DE GUATEMALA

Voltamos para a capital para fecharmos a nossa experiência de forma linda com as pirâmides de Tikal, em “Petén. Dirija-se ao aeroporto e faça um vôo simples, de mais ou menos meia hora para poder chegar lá. E em 20 minutos os ônibus da zona te levarão até as pirâmides. “Tikal” é um lugar para nos encontrarmos historicamente com a cultura maya.

Guatemala

Então agora já sabem, se algum dia desejarem viajar para Guatemala, quais locais visitar e assim poder desfrutar de uma cultura rica em história.

Comigo será até outra oportunidade, um abraço a todos vocês.

Um comentário em “#QueTalViajar: Guatemala

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s