Eaeeee mis amigos y amigas do #QuetalIdiomas, como estão todos vocês? Prontos para a Copa do Mundo Feminino? E a Copa América?

Eu estou ansioso e prontíssimo para assistir tudinho, rsrsrs

Hoje trago para vocês mais outra cultura pré-inca, para continuarmos com as nossas aulas de história, então que lhes parece se começamos? Qual a cultura de hoje? La Cultura Chimú. Vamos lá!!!!

La Cultura Chimú (1200 d.C-1460 d.C)

Resultado de imagem para la cultura chimú

A cultura Chimú acredita-se que foi sucessora da Cultura Mochica ao redor de 700 a.C.. Sua principal administrativa foi na cidade de Chan Chan, perto de Trujillo no norte do Perú, composto por milhares de prédios e um labirinto de ruas e becos. Chan Chan que foi talvez um lar de 60 mil pessoas, foi uma das maiores cidades da América do Sul e a maior cidade de adobe do mundo.

Em 1470 Chan Chan foi conquistada pelos Incas, os quais levaram suas coisas artesanais para o Cusco. Uns 50 anos mais tardes os incas foram derrotados pelos conquistadores espanhóis, os quais posteriormente saquearam esta cidade. Lamentavelmente, a cidade, declarada patrimônio da humanidade pela UNESCO, segue sofrendo erosão pela chuva que são cada vez mais fortes e maiores.

  • Localização:

Se desenvolveram na costa norte, no vale de San Catalina, no departamento de La Libertad, a qual tinha de capital a cidade de Chan Chan, perto de Trujillo, alcançando uma expansão de 1,000 km. Do Norte ao sul.

Resultado de imagem para la cultura chimú localización
Localização dos Chimú, levando em consideração o mapa do Perú
  • Organização Social e Política dos Chimú:

Chimú foi um estado militarista-teocrático de caráter expansivo. O fundador mítico e primer governante foi Tacaynamo no século XII. Além disso, foi só no século XV que o reinado de Minchancamán anexou muitos vales da costa norte do Perú. O grande rey Chimú era chamado Cie-Quich e era considerado filho do deus Naylamp.

Resultado de imagem para la cultura chimú organizacion social
Organização Social dos Chimú
  • Religião:

A cultura Chimú adorava a lua devido a sua crença que influía sobre o crescimento das plantas, os mares e a sua utilização como marcador do tempo. Acreditavam descender de quatro estrelas; das maiores descendiam os nobres e a pessoas comuns das outras duas. Acreditavam que as almas dos defuntos iam até a orla do mar, onde eram transportadas pelos lobos marinhos até o seu último lar em umas ilhas.

  • Economia dos Chimú:

Era a agricultura e a pesca. No primeiro se desenvolveram técnicas que impulsaram a atividade agrícola como o uso de puquios (nascentes), os embalses naturais, os Wachaques ou Chacras hundidas (campos afundados), sistemas de irrigação como o complexo Chicama-Moche, o uso de terras em forma permanente e estacional, a rotação de cultivos, a associação de cultivos.  Cultivavam milho, feijão, aboboras e frutas. Pescavam diversas espécies marinhas, recolhiam frutos do mar e estavam iniciando no comercio. Os meios de produção e a força de trabalho das comunidades foram controlados e dirigidos pela elite social conformada pela aristocracia guerreira e a costa religiosa.

Resultado de imagem para la cultura chimú economia
Economia dos Chimú e algumas características
  • Arquitetura dos Chimú:

O material das suas construções foram o adobe e uma das maiores expressões foi a cidade de Chan Chan, sede do rei Chimú, que tinha uma extensão de 25 km2  e paredes que tinham uma altura de 10m de alto, dividida em cidades que construíam cada um dos governantes como casas e que ao final se convertiam nos seus túmulos. Ali viviam entre 50 a 100 mil habitantes, porém na parte onde as construções com decorado, viviam somente os da classe alta. O povo vivia fora dos muros, em casas pequenas feitas de quincha, sem as luxuosas comodidades da classe dominante. Outros restos arquitetônicos associados ao estado Chimú foram Apurlec, Túcume e Batán Grande, que incialmente foram construções do reino Sicán de Lambayeque, também destaca Paramonga localizada ao norte de Lima.

Imagem relacionada
Cidade de Chan Chan
  • Cerâmica dos Chimú:

Herdaram a tradição anterior de Moche e sua produção foi em serie a traves de moldes, pelo que não tinham originalidade nem qualidade artística. As características é que são geralmente na cor preta, com superfície brilhante, com assa ponte, assa estribo e com preferência pelos huacos monócromos.

Resultado de imagem para ceramica chimu
Cerâmica na cor preta predominante
  • Metalurgia dos Chimú:

Desenvolveram a arte da orfebreria, com alta tecnologia, pois eram expertos no fino trabalho. Trabalharam o ouro, a prata e o cobre com as técnicas de martilhado, solda, prateado, dourado, incrustado e fizeram mascaras, narigueiras, tumis (facas ceremoniais), copos de ouro, etc.

Resultado de imagem para metalurgia chimu
Faca cerimonial de ouro
Resultado de imagem para metalurgia chimu
Copos de ouro
  • Textileria dos Chimú:

Os tecidos dos Chimú foram fabricados principalmente com algodão, mas também se utilizou lã de lhama. Houve muitas técnicas de produção e formas de decoração entre outras coisas, penas e enfeites metálicos como placas de cores de ouro e prata que foram extraídas de certas plantas para a união de tecidos. As roupas eram de quatro animais, guanaco, lhama, alpaca e vicunha, também de uma planta de algodão nativa que cresce de forma natural em sete cores diferentes. A vestimenta consista em taparrabos (tapa bundas), camisas sem mangas, ponchos pequenos, túnicas, etc.

Resultado de imagem para textileria chimu
Tecidos dos Chimú
  • Fim dos Chimú:

Na segunda metade do século XV os exércitos do príncipe cusquenho
Túpac Yupanqui conquistaram o estado Chimú. Depois de uma prolongada guerra, os incas tomaram Chan Chan e levaram como prisioneiro ao rei Michancamán. Chimú foi convertido em um huamani ou província do Tahuantinsuyo.

Talvez esta última parte tenha ficado um pouco confuso, na verdade os incas matavam    só aos guerreiros que ofereciam resistência, o resto da população eles abraçavam e juntavam ao império incaico, para assim poder absorver todo o conhecimento desta nova conquista, o Tahuantinsuyo foi o império inca propriamente dito, o qual já já estamos prestes a chegar meus amigos.

Bom comigo é tudo por hoje, deixarei um vídeo em espanhol para que possam assistir parte desta maravilhosa cultura, comigo é tudo por hoje, lembrem de seguir a gente nas redes sociais, Instragram, Facebook, Youtube, curtam e comentem com os seus amigos, hasta la próxima.

Link del Video:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s